no , , , , ,

Saiba como evitar o bloqueio do Bolsa Família nas atualizações de setembro!

Atualizações do aplicativo do Bolsa Família: O que você precisa saber

Bolsa Família: Evite o bloqueio do benefício em setembro
Bolsa Família: Evite o bloqueio do benefício em setembro

Nas últimas semanas, muitos beneficiários do programa Bolsa Família têm expressado dúvidas e ansiedade sobre as atualizações dos aplicativos oficiais do governo. Estas preocupações foram amplificadas devido aos bloqueios ocorridos nos meses anteriores. Observou-se um grande questionamento se o benefício será disponibilizado no mês de setembro, tendo em vista que já estamos no dia 11 e ainda não há sinalização de atualização nos aplicativos.

É importante frisar que a atualização dos aplicativos ocorre de forma escalonada. Conforme apurado junto ao Ministério do Desenvolvimento Social, as atualizações para setembro estariam em processo desde o dia 10. No entanto, desde o dia 8, notou-se que alguns beneficiários já conseguiram ter o acesso a essas informações.

Como proceder em caso de bloqueio do Bolsa Família?

Alguns beneficiários relataram que, após terem suas parcelas bloqueadas, realizaram as atualizações cadastrais necessárias e, após alguns meses, os valores foram liberados. É essencial que todos os beneficiários mantenham suas informações atualizadas, garantindo a continuidade do benefício. Em eventualidades que envolvem bloqueio, cancelamento ou suspensão, é recomendado que procurem o Centro de Referência de Assistência Social (Cras) mais próximo para entender como retomar o pagamento.

Por que a parcela do Bolsa Família pode ser bloqueada?

Porém, nem todas as famílias recebem boas notícias. Algumas relataram que, ao consultar o benefício pelo aplicativo, depararam-se com o status de “bloqueio”. Em muitos casos, a informação é exibida sem especificar claramente o motivo do bloqueio. A partir de março, o governo vem realizando uma revisão cadastral detalhada do Cadastro Único com a finalidade de identificar e excluir aqueles que recebem o benefício de forma irregular. Estima-se que até o momento, cerca de 4 milhões de famílias tiveram o benefício bloqueado, cancelado ou suspenso, devido à falta de atualização ou inconsistências cadastrais.

É seguro usar aplicativos não oficiais do governo?

Um alerta importante é sobre a utilização de aplicativos não oficiais do governo. Na busca por informações, alguns beneficiários acabam por fornecer dados pessoais a esses aplicativos, correndo o risco de ter o benefício clonado, roubado ou desviado. O conselho é que a consulta do benefício seja efetuada exclusivamente pelos aplicativos oficiais do governo, como o Caixa Tem e o aplicativo Bolsa Família.

Para aqueles que aguardam ansiosamente pela divulgação do calendário de pagamentos, em setembro, não haverá antecipação dos valores, a não ser nos locais que se encontram em estado de calamidade pública. A Caixa Econômica Federal manterá o calendário oficial anteriormente divulgado pelo governo.