no , , , , ,

Pagamento de R$ 1,3 mil está LIBERADO para MILHÕES de brasileiros. Saiba se está entre elas.

Milhões de brasileiros e brasileiras tem direito a esse pagamento todos os anos e que em 2023, pode pagar até R$ 1.320. Saiba se também está liberado para você!

Pagamento de R$ 1,3 mil esta LIBERADO
Pagamento de R$ 1,3 mil esta LIBERADO

Um pagamento no valor de até um salário mínimo por ano é direito de milhões de brasileiros e brasileiras, mas que por muitas vezes, acaba sendo esquecido de ser resgatado.

Atualmente, cerca de 42 milhões de trabalhadores e trabalhadoras do país se encontram sob as condições de trabalho formal, ou seja, dentro do regime da CLT (Consolidação das Leis Trabalhista) por terem a carteira de trabalho assinada.

Dentro desse grupo de 42 milhões, estão os trabalhadores do setor privado e servidores públicos.

E é justamente esse grupo quem tem liberado um valor de até R$ 1.320, referentes ao pagamento do PIS/Pasep 2023.

Porém, milhares de trabalhadores que já estão com o pagamento liberado ainda não fizeram o resgate dos valores.

Portanto, para saber se você está entre as pessoas que não resgatou o pagamento do seu PIS/Pasep, que teve o pagamento do primeiro grupo liberado ainda no mês de fevereiro, acompanhe o texto a seguir.

Quais trabalhadores tem o pagamento do PIS/Pasep liberado?

Como dito anteriormente, o pagamento do PIS/Pasep é liberado apenas para trabalhadores da CLT do setor privado e do serviço público.

O PIS (Programa de Integração Social) é destinado aos profissionais do setor privado que possuem carteira assinada (CLT), enquanto o Pasep (Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público), é destinado aos servidores públicos.

O PIS/Pasep é como o pagamento de um 14° salário, que em condições normais é pago no ano posterior ao ano em que empregado trabalhou. Ou seja, trabalhou de carteira assinada em 2020, tem o pagamento liberado em 2021.

No entanto, o PIS/Pasep foi suspenso pelo governo Bolsonaro durante a pandemia da Covid-19, o que atrasou o pagamento do abono.

Nesse ano de 2023, o pagamento liberado será correspondente ao ano de ano-base de 2021.

Portanto, quem tem direito a receber o PIS/Pasep em 2023, são os empregados que trabalharam de carteira assinada em 2021 que receberam até 2 salários mínimos por mês e que trabalharam pelo menos durante um mês no referido ano-base.

O valor do pagamento vai depender de quantos meses a pessoa trabalhou no ano base, sendo o valor máximo o piso salarial vigente, eu no dia 1° de maio passou a ser de R$1.320,00.

Além disso, também é preciso que o trabalhador tenha pelo menos 5 anos de contribuição com o INSS dentro do regime de CLT.

Como recuperar os valores do PIS/Pasep

Por mais incrível que pareça, atualmente milhões de pessoas aparentemente não sabem quem tem direito ao pagamento ou não sabem que ele está liberado, visto que ainda não foram resgatar os valores.

Só no estado de Alagoas, cerca de 111 mil de trabalhadores ainda não sacaram o abono salarial.

E para que você não deixe de receber esses valores a que tem direito, abaixo te mostraremos o passo a passo para realizar o saque.

Primeiramente, para consultar se você algum valor liberado, acesso o aplicativo da Carteira de Trabalho Digital

Após realizar o login no aplicativo será possível realizar a consulta.

Também é possível consultar o abono salarial através do número de telefone 158.

Estando tudo ok e o pagamento liberado, é só se dirigir ao Caixa ou ao Banco do Brasil com sua documentação e sacar o dinheiro.

Quanto os brasileiros vão receber no abono do PIS e Pasep?

A quantia que cada pessoa recebe é referente aos meses em que ela trabalhou no ano base, no caso 2021.

Meses         Valor

1        R$ 110,00

2        R$ 220,00

3        R$ 330,00

4        R$ 440,00

5        R$ 550,00

6        R$ 660,00

7        R$ 770,00

8        R$ 880,00

9        R$ 990,00

10      R$ 1.100,00

11      R$ 1.210,00

12      R$ 1.320,00

O PIS é pago conforme o mês de nascimento do trabalhador e o Pasep de acordo com o número final de inscrição do servidor.

PIS

15/02: nasceram entre janeiro e fevereiro;

15/03: nasceram entre março e abril;

17/04: nasceram entre maio e junho;

15/05: nasceram entre julho e agosto;

15/06: nasceram entre setembro e outubro;

17/07: nasceram entre novembro e dezembro.

Pasep

15/02: possui final 0;

15/03: possui final 1;

17/04: possui final 2 ou 3;

15/05: possui final 4 ou 5;

15/06: possui final 6 ou 7;

17/07: possui final 8 ou 9.

Por fim, para mais notícias sobre o abono salarial do PIS/Pasep, clique aqui.