no , , ,

Novidades sobre o novo aumento do salário mínimo

Segundo o governo, o aumento do salário mínimo vai custar cerca de 4,5 bilhões de reais e começa a ser pago a partir de 1° de maio.

Novidades sobre o novo aumento do salario minimo
Novidades sobre o novo aumento do salario minimo

O novo valor do salário mínimo, promessa de campanha do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) vai começar a ser pago a partir o dia 1° de maio, após muita articulação. Esse será o segundo aumento do piso salarial nesse ano de 2023.

Portanto, não só os trabalhadores ativos, mas pensionistas, aposentados e segurados do INSS, que também tem o salário mínimo como referência do valor dos benefícios, estão ansiosos para receber o novo valor.

Durante a campanha, o então candidato e atual presidente, Lula, prometeu um salário mínimo no valor de R$ 1.320 já para o início de 2023.

Contudo, isso não foi possível e valor do mínimo acabou ficando no valor determinado pelo governo anterior, de R$ 1.302.

Valor esse que, como dissemos anteriormente, passará a ser de R$ 1.320 a partir do dia 1° de maio.

Por que o salário mínimo vai passar pelo segundo ajuste de 2023?

De acordo com o governo, a gastança promovida por Bolsonaro para tentar se reeleger com distribuição de auxílios, benefícios e concessões, inviabilizou o aumento.

Isso acabou por sufocar o caixa do governo, apesar da aprovação da PEC da Transição.

Outro fator que também contribuiu segundo explicou Simone Tebet, a nova ministra do Planejamento, foi que apesar de:

“Nós deixarmos espaço fiscal para R$ 1.320. A questão é que até o fim do ano, milhares de pessoas que estavam na fila da aposentadoria absorveram esse espaço fiscal que se tinha. Por conta disso, hoje não temos espaço fiscal para R$ 1.320”, disse a parlamentar ainda no mês de fevereiro.

Inclusive, o próprio ministro da Fazenda, Fernando Haddad, também ressaltou a dedicação do governo na busca pelo reajuste dos atuais R$ 1.302 do piso salarial para R$ 1.320.

De acordo com Haddad, o aumento vai custar aos cofres públicos, cerca de R$ 5 bilhões.

Além da variação do INPC (Índice Nacional de Preços ao Consumidor), o novo salário mínimo também considerou um reajuste de acordo com o PIB (Produto Interno Bruto).

Ademais, em agosto de 2022, o número de aposentados e pensionistas aumentou significativamente.

Os contemplados do Benefício por Prestação Continuada (BPC) são outro exemplo de cidadãos que também terão o reajuste.

Por fim, para mais notícias sobre o aumento do salário mínimo e políticos do governo do governo Lula, clique aqui.