no , ,

MOEDA RARA de R$ 1 pode valer até R$ 850. Veja como identificar!

Conheça os detalhes fazem uma moeda rara e qual o valor que pode ser pago por um exemplar antigo no mercado numismático. Alguns podem valer até mais de R$ 1 mil.

MOEDA RARA de R$ 1 pode valer ate R$ 850
MOEDA RARA de R$ 1 pode valer ate R$ 850

Uma moeda rara pode valer mais do que o salário que você ganha no mês e os colecionadores dessas preciosidades, que pagam caro por alguns exemplares, são chamados de numismáticos.

Com design e formatos únicos, as moedas físicas, passaram por uma série de mudanças ao longo dos anos e os modelos mais raros e antigos, obviamente são os que possuem o maior valor de mercado.

Atualmente, há um modelo de moeda de R$ 1 que está no radar dos numismáticos, que pode chegara valer cerca de R$ 850.

Cabe destacar que, com o uso cada vez menor das moedas e cédulas físicas, a tendência é que com o tempo, algumas moedas fiquem ainda mais raras e consequentemente, mais caras

Ou seja, se hoje temos um modelo de moeda de R$ 1 que já é tão rara, que existem menemistas dispostos a pagar até R$ 850.

Moeda rara de 1 real pode valer 850 reais

Criada em 1994, existe um modelo da primeira moeda de R$ 1 que é considerada rara e é ela que custa em torno de R$ 850.

Esse valor não se dá apenas por conta da sua raridade, mas também por conta de uma característica que os menemistas entendem como especial.

Ao girar a moeda entre a frente e o verso, ambos os lados ficam de cabeça para baixo.

As demais moedas do mesmo ano chegam a valer um valor menor, diferenciando-se apenas das que cujo anverso é de 90°.

Entre os critérios levados em consideração para avaliar o valor de uma moeda, estão:

  • A raridade
  • O estado de conservação
  • A presença de algum erro na sua fabricação

Essa verificação é feita conforme a flor de cunho, soberba, muito bem conservada ou só bem conservada, regular e um tanto gasta. Todos essas classificações são feitas conforme a cunhagem (fabricação) de cada uma.

Existem alguns sites especializados que podem fazer essa avaliação, são eles:

Com exceção do site da Sociedade Numismática Brasileira, os demais não forneçam um valor exato, mas podem dar uma boa noção de quanto custam.

No entanto, como dissemos anteriormente, ainda existem moedas que são raras e valem muito mais do que R$ 1 mil, como por exemplo, um modelo de R$ 1 lançada em 1998.

Isso, sem contar as moedas de ouro dos séculos anteriores que possuem valores altíssimos.

Comercializando moedas antigas

Para quem possui ou deseja colecionar moedas raras e antigas é possível acessar alguns portais que fazem uma avaliação justa dos valores de cada moeda.

Entre eles está o site da Sociedade Numisnática Brasileira, que mencionamos anteriormente. Por lá é possível acessar lojas especializadas em:

  • Numinástica
  • Leilões de moedas
  • Comércio eletrônico
  • Casas instituídas para compras de moedas,
  • Encontros presenciais
  • Anúncios especializados em numinástica.

Quem tiver interesse basta acessar os sites abaixo: casa do colecionador, cujo endereço de site é

  • casa do colecionador, aqui.
  • nas caravelas coleções, aqui;
  • no mercado negro de antiguidades, aqui.
  • no mundo numisnático, aqui.

Também existem os dos grupos de facebook e whatsapp.

Por fim, para mais dicas sobre moedas raras, clique aqui.