no , , , , ,

IPVA com ISENÇÃO total em 2024. Saiba se tem direito!

Vai rolar isenção total do IPVA em 2024 para alguns modelos de carros. Veja os detalhes e saiba quais motoristas não precisarão pagar o imposto no ano que vem!

IPVA com ISENCAO total em 2024. Saiba se tem direito!
IPVA com ISENCAO total em 2024. Saiba se tem direito!

O IPVA (Imposto sobre Propriedades de Veículos Automotores) é um imposto anual que todo proprietário de veículo automotor precisar pagar no início do ano, entretanto, existem algumas exceções que garantem desde descontos até a isenção total do tributo.

O valor do IPVA levar em consideração o preço do veículo, ou seja, quanto mais caro o carro, mais alto o valor do imposto.

Além disso, a alíquota varia entre as regiões.

Portanto, a seguir vamos ver qual a região do país que está com isenção total do IPVA para o ano de 2024 e quais as condições para ter acesso a gratuidade do imposto.

O Impacto dos impostos

Todos nós brasileiros e brasileiras, conhecemos bem os impactos dos impostos nos nosso bolsa e quanto eles comprometem o nosso orçamento.

Para se ter uma ideia, nós trabalhamos 153 dias no ano, ou seja, 5 meses, apenas para pagar impostos.

Isso sem contar a complexidade que é o nosso sistema tributário, repleto de impostos diretos e indiretos que dificultam o entendimento das tributações até mesmo para os especialistas.

O Imposto de Renda, por exemplo, que é leva em consideração a renda do cidadão, é uma das principais fontes de arrecadação da União.

Outros impostos significativos são:

  • Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI)
  • Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS)
  • Imposto sobre Serviços (ISS)

Esses tributos tem impacto direto nos preços de bens e serviços, deixando-os mais caros para o consumidor.

O mais tradicional desses impostos é ICMS. Ele é responsável por grande parte das arrecadações estaduais.

Entretanto, cabe destacar que o imposto é o preço da cidadania, visto que é a arrecadação dos impostos que o permite ao estado oferecer todos os serviços públicos essenciais para a população e para a manutenção da soberania nacional.

Alguns exemplos dos serviços que funcionam a partir da arrecadação dos impostos são:

  • Educação (Creches, colégios, escolas técnicas e universidades)
  • Saúde – (Samu, SUS, postos de Saúde, UPA´s, entre outros)
  • Segurança (Polícia Militar, Civil, Federal, Exército e guardas municipais)
  • Centros de Pesquisa (IBGE, INPE entre outros)
  • Programas sociais
  • Previdência
  • Entre tantos outros

Portanto, é nosso dever reivindicar por impostos mais justos e que a arrecadação desses tributos seja investida na sociedade e nos cidadãos(a). Como deve ser!

IPVA com isenção total em 2024

Como mencionamos anteriormente, em 2024 alguns veículos terão a isenção total do IPVA.

Como é normal acontecer todos os anos, carros fabricados a partir de determinado ano passam a ter descontos e até mesmo isenção total do IPVA.

Em 2024, três estados vão oferecer isenção total para carros com mais de 10 anos de fabricação. Os estados são:

  • Amapá
  • Rio Grande do Norte
  • Roraima

Em seguida, veja a lista completa de isenção dos veículos por idade:

  • + de 15 anos: Amazonas, Bahia, Ceará, Espírito Santo, Maranhão, Goiás, Paraíba, Pará, Sergipe, Rondônia, Rio de Janeiro, Piauí e Distrito Federal;
  • + de 18 anos: Mato Grosso;
  • + de 20 anos: Acre, Rio Grande do Sul, São Paulo, Mato Grosso do Sul e Paraná; e
  • + de 30 anos: Tocantins e Santa Catarina.

No estado de Alagoas, veículos fabricados até 31 de dezembro de 2002 não pagam o IPVA.

Pessoas com deficiência ou com doenças graves também estão não precisam pagar o IPVA em alguns estados do país.

Por exemplo, no estado de São Paulo, o motorista quem teve isenção do IPVA tem a renovação automática no ano posterior.

Enquanto que o motorista que for solicitar a isenção pela primeira vez, precisar ter um veículo com valor máximo de R$ 70 para receber isenção total.

Ademais, caso o valor do veículo seja entre R$ 70 mil e R$ 100 mil, a isenção é parcial.

Por fim, para mais notícias sobre impostos, clique aqui.