no , , , , , ,

FGTS Digital: aprenda a SACAR sem sair de CASA

Com o novo FGTS Digital, o trabalhador(a) passa a ter muito mais facilidade para sacar os valores do seu benefício. Vejo como usar o aplicativo.

FGTS Digital: aprenda a SACAR sem sair de CASA
FGTS Digital: aprenda a SACAR sem sair de CASA

O Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) Digital será lançado em janeiro de 2024 e através dele o trabalhador(a) terá muito mais facilidade para sacar os valores do seu benefício, além de facilitar também a vida do empregador na hora de realizar o deposito dos seus funcionários.

Os testes iniciais do FGTS Digital foram feitos pelos empregadores e se encerram no dia 10 de novembro. No caso, as empresas passaram a recolher os valores do FGTS dos seus funcionários através do aplicativo.

Feita essa rápida apresentação, é hora de confira mais detalhes sobre o FGTS Digital e de como ele vai facilitar o trabalhador a sacar o seu Fundo de Garantia.

FGTS Digital: tudo o que você precisa saber, inclusive com o sacar

Atualmente, o método de recolhimento do FGTS é extremamente burocrático, onde as empresas precisam gerar uma folha de pagamento, em seguida inserir o documento no sistema, que irá gerar outro documento que precisará ser pago, para depois ser novamente enviado e inserido em outro sistema.

Contudo, como o FGTS Digital muita coisa vai mudar, desde a forma de sacar o benefício, até o seu recolhimento pelo empregador.

Da forma como o FGTS funciona atualmente, o trabalhador precisa se dirigir a uma agência da Caixa para solicitar o saque.

Serão várias novas funções que FGTS Digital irá trazer além da facilidade para o trabalhador sacar o benefício.

Confira a seguir todas as novas vantagens do FGTS Digital.

Novidades do FGTS Digital

  • Eliminar burocracias e custos adicionais;
  • Diminuir os custos operacionais incorridos pelo FGTS;
  • Reduzir as despesas com tarifas pagas à rede arrecadadora do FGTS;
  • Digitalizar serviços (agilizar e automatizar procedimentos);
  • Melhorar os serviços voltados para trabalhador e empregador;
  • Promover a integração de ambientes e facilitar o acesso e gerenciamento de informações;
  • Garantir segurança, integridade e confiabilidade aos dados e informações  armazenados e processados;
  • Diminuir a postergação da arrecadação anual do FGTS;
  • Fornecer informações para direcionamento de ações e tomada de decisões estratégicas;
  • Melhorar  gestão, controle e transparência dos processos;
  • Facilitar a comunicação entre Administrados e Administração;
  • Assim como, permitir que os atores relacionados ao recolhimento do FGTS possam ter acesso aos dados e informações necessários para o exercício pleno de suas competências.

Como vai funcionar a plataforma?

Confira em seguida algumas das novas funções que estarão disponíveis através da nova plataforma do FGTS Digital:

Data de vencimento: o prazo de recolhimento do FGTS vencerá no 20° dia seguinte ao mês de competência.

Recolhimento via PIX: o pagamento do FGTS do trabalhador será feito através da leitura de um QR Code.

E-social: Vai ser a principal fonte de dados da nova modalidade e suas informações vão ajudar no cálculo do FGTS dos trabalhadores.

Certificado de Regularidade do FGTS: com a total digitalização do sistema, a troca de informações será praticamente instantânea. Porém, o não cumprimento das regras pode impedir a emissão do certificado.

Ademais, foi dito no início do artigo, o FGTS Digital atualmente está em fase de teste e se tudo correr dentro do cronograma, estará disponível para uso comum em janeiro de 2024.

Este período está sendo usado pelas empresas como uma fase de testes, visto que o FGTS Digital já está disponível para todas as empresas no Brasil.

A partir de 2024, o FGTS Digital será obrigatório em todo o país.

Por fim, para mais notícias sobre o Fundo de Garantia, clique aqui.