no , , ,

Ex-assistente de Bolsonaro propõe delação premiada: A tensão e o silêncio da família

Ex-presidente Bolsonaro e família permanecem em silêncio diante da proposta de delação premiada de ex-assistente

Ex-assistente de Bolsonaro Pronto para Delatar
Ex-assistente de Bolsonaro Pronto para Delatar

Antes de tudo, é importante entendermos quem é Mauro Cid. Ele foi por quatro anos um ajudante de ordens que esteve a serviço do ex-presidente Jair Bolsonaro e de sua esposa, Michelle, na Presidência da República. Agora, Cid tornou-se centro das atenções ao propor uma delação premiada que, levando em conta a sua posição privilegiada durante o período que trabalhou com o ex-presidente, pode revelar segredos significativos.

Essa proposta vem criando inquietação e impactando diretamente a família Bolsonaro, composta pelo ex-presidente, sua esposa Michelle e seus filhos Flávio, Eduardo e Carlos. No momento, todos optaram por um silêncio que parece ecoar, restringindo-se ao compartilhamento de mensagens pelas redes sociais.

Como a família Bolsonaro tem reagido?

Jair Bolsonaro recentemente postou uma mensagem religiosa nas redes sociais, mencionada durante um discurso: “E três pequenas frases que mais ouço quando estou no meio do povo: ‘não desista, Deus te abençoe, estamos orando por você’. Muito obrigado a todos”, diz ele. Flávio e Eduardo Bolsonaro, por sua vez, têm se concentrado em mensagens que criticam o presidente Lula, enquanto Carlos Bolsonaro criticou a viagem de Lula à Índia.

A razão para esse silêncio parece estar relacionada à falta de conhecimento que a família tem sobre o conteúdo da proposta de delação de Cid. Segundo fontes próximas à família Bolsonaro, todos estão “totalmente no escuro” sobre o conteúdo da delação de Cid.

Qual a próxima etapa?

Mauro Cid deixou a prisão neste sábado, por decisão do ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF). Agora, aguarda-se para ver os próximos desenvolvimentos desta história, que pode mudar muitos rumos no cenário político brasileiro. A delação, se aprovada pelo Ministério Público, pode fornecer um grande número de informações. Portanto, é uma situação que todos devem acompanhar de perto.