no , , ,

Enem 2023: razões para não CHUTAR de qualquer jeito! Veja algumas DICAS!

Entenda porque até na hora de chutar a questão da prova, é preciso ter uma estratégia adequado. Confira algumas das melhores dicas de “chutometro”.

Enem 2023: razoes para nao CHUTAR de qualquer jeito!
Enem 2023: razoes para nao CHUTAR de qualquer jeito!

O Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) 2023 está chegando e muitos estudantes estão aguardando com muita ansiedade o dia da prova para colocarem em prática tudo aquilo que estudaram ao longo dos anos, mas obviamente que é impossível dominar todos os assuntos, por isso chutar algumas questões é uma situação muito comum. O chamado “chutometro”.

As provas do Enem 2023 acontecem nos dias 05 e 12 de novembro, ou seja, daqui a menos de 20 dias.

Portanto, com a proximidade do exame, quem estudou aproveita para estudar mais e quem não estudou, prepara técnicas para otimizar o tempo perdido.

E justamente por entendermos ambas as realidades, visto que, nem todos os estudantes tem a mesma possibilidade de se dedicar unicamente ao estudo, preparamos algumas dicas para quem pretende chutar algumas questões das provas do Enem 2023.

Sendo assim, confira a seguir algumas dicas de como chutar certo na prova do Enem 2023.

Dicas para chutar no Enem 2023

Em primeiro lugar é importante deixar claro que o segredo para a aprovação no Enem ou em qualquer concurso é estudar muito… portanto, chutar não substitui o estudo.

Não existe estratégia que permita um estudante ou candidato(a) ter sucesso em uma seleção pública sem que que haja muito estudo por trás. E com o Enem 2023, não seria diferente.

Assim, a estratégia de chutar na prova do Enem 2023 deve se aplicar aquelas questões que ficaram para trás, que por dúvidas sobre qual letra marcar, você deixou para fazer no final.

Ou até mesmo quando o tempo estiver no fim e ainda faltarem muitas questões, o chute também é uma opção melhor do que deixar a questão em branco.

Justamente para não correr esse risco, uma dica é deixar para o final as questões mais complexas e que consequentemente exigem mais tempo para serem respondidas.

Portanto, faça primeiro as questões que você tiver mais facilidade e deixe por último as mais complexas.

Em seguida confira algumas razões de porque você deve evitar se colocar na situação de precisar chutar.

Porque evitar o chute na prova do Exame Nacional do Ensino Médio

Você já ouviu falar da Teoria de Resposta ao Item (TRI)?

Pois bem, essa é a metodologia utilizada pelo Enem para a correção das suas provas e sendo bem objetivo, ela não favorece o estudante que chuta tudo e inclusive, acerta um grande número de questões através dessa estratégia.

Inclusive, estudantes que acertaram um número menor de questões, podem ter uma pontuação maior do que que acertou muitas questões por chute.

Ou seja, a metodologia de correção do Enem não favorece quem gosta de chutar.

A explicação é simples, a nota final do Enem não é a soma do número total de questões que o estudante acertou. O método usado possui como foco priorizar o desempenho, percebendo se ele foi coerente ou não nas suas respostas.

Entenda a metodologia de avaliação

Para deixar mais claro como funciona a metodologia de correção do Enem 2023, veja o exemplo a seguir.

Dois estudantes acertaram o mesmo número de questões, porém, questões diferentes.

Assim, vai ter a nota mais alta o estudante que fez uma prova mais coerente. Por exemplo, se estudante acertou apenas as questões difíceis e errou as fáceis, o TRI aponta que esse estudante pode ter chutado.

Enquanto o estudante que acertou todas as fáceis, algumas médias e errou várias difíceis, mostrou mais equilíbrio nas respostas.

Portanto, o que se conclui é que chutar na prova do Enem 2023 pode não ser uma boa ideia.

Por fim, para mais notícias sobre o Enem, clique aqui.