no , ,

CICLONE no Sul: Governo Federal e Sesc fazem parceria por doação de CESTAS-BÁSICAS

Governo e Sesc enviam 20 mil cestas-básicas para as vítimas do ciclone nos estados do Rio Grande do Sul e Santa Catarina!

ciclone no sul: doação de 20 mil cestas-basicas
ciclone no sul: doação de 20 mil cestas-basicas

O ciclone que passou pela região sul do Brasil inundando cidades e destruindo casas, deixou um rastro de destruição, morte e sofrimento e diante de tamanha tragédia, o governo federal em parceria com o Sesc articularam o envio de milhares de cestas-básicas para os estados o Rio Grande do Sul e Santa Catarina, regiões mais atingidas pelo fenômeno.

O estado do Rio Grande do Sul foi o que sofreu as maiores consequências do ciclone extratropical e teve vários municípios atingidos.

Diante da situação, o presidente Lula (PT), anunciou a liberação de R$ 1 bilhão, através do BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social) para o estado do Rio Grande do Sul.

No que diz respeito ao envio das cestas-básicas, a primeira-dama Janja da Silva, tem articulado a distribuição de milhares de cestas básicas para os moradores.

A princípio, serão 20 mil cestas-básicas que serão enviadas aos municípios do RS e de SC que ficaram na rota do ciclone.

No entanto, existe um grupo prioritário para receber as cestas-básicas, que são as famílias com crianças da região do Vale do Taquari.

A doação as cestas-básicas é fruto de uma parceria entre o Ministério do Desenvolvimento Social, a Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias e o Sesc Mesa Brasil. 

Dessa forma, vamos conferir os municípios por onde o ciclone passou e detalhes da doação das cestas-básicas.  

Governo doa 20 MIL cestas-básicas para municípios atingidos por ciclone

Conforme dissemos acima, a prioridade para da doação das cestas-básicas é das famílias com crianças atingidas pelo ciclone que devastou o sul do país.

Durante reunião que decretou a doação das cestas-básicas, estavam presentes a primeira dama, Janja da Silva e o ministro do Desenvolvimento Social, Wellington Dias, responsável pela área assistencial do atual governo.

Em primeiro lugar, foi feita a localização das famílias e em seguida as entregas prioritárias em:

  • Abrigos
  • Creches
  • Ginásios
  • Casas das famílias.

No entanto, essa não foi a primeira doação de cestas-básicas.

O vice-presidente Geraldo Alckmin (PSB), já havia feito o anúncio de outras 20 mil cestas-básicas, ainda no dia 10 de setembro. A época, Alckmin e comitê visitaram as regiões por onde passou o ciclone.

À época, o Governo Federal anunciou o repasse de R$ 239 milhões para a compra de alimentos e de serviços socioassistenciais.

O presidente Lula se mostrou extremamente disposto a não medir esforços na assistência aos moradores da região.

Tanto que o presidente anunciou a liberação, via BNDES, de 1 bilhão de reais a fim de na recupera estrutural e econômica das cidades por onde o ciclone passou.

Outra medida que o governo federal tomou, foi a liberação de R$ 600 milhões do FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço), que vai beneficiar cerca 354 mil trabalhadores dessas regiões.

Por fim, para mais notícias sobre ações do governo, clique aqui.