no , , , ,

Bolsa Família: aprenda a fazer o CADASTRO e garante seu benefício. Sua família agradece!

Atualmente, o Bolsa Família contempla cerca 21 milhões de famílias, sendo o principal programa social do governo federal. Confira todo o passo a passo para fazer o seu cadastro.

Bolsa Familia: aprenda a fazer o CADASTRO
Bolsa Familia: aprenda a fazer o CADASTRO

O Bolsa Família está cada vez mais consolidado como o principal programa social e de transferência de renda e combate a desigualdade social do Brasil, contemplando cerca de 21 milhões de famílias em todo o território nacional, mas por incrível que pareça, muitas pessoas ainda não sabem como fazer o cadastro para poder receber o benefício.

Entre as principais dúvidas envolvendo o cadastro do Bolsa Família é o local da inscrição e qual a faixa de renda familiar exigida pelo programa.

Sendo assim, não se afobe, porque nós, do Agenda Notícias, vamos lhe mostrar todos os detalhes sobre o cadastro do Bolsa Família.

Confira os detalhes para fazer o cadastro do Bolsa Família

Primeiramente, a pessoa deve se encaminhar a sede do CRAS (Centro de Referência de Assistência Social) da sua região. É lá que se faz o cadastro no CadÚnico (Cadastro Único dos programas sociais do governo federal).

É através do CadÚnico que todos os programas sociais do governo federal, como o Bolsa Família, são pagos.

Contudo, cabe destacar que o simples fato da pessoa estar inscrita no CadÚnico, não garante a ela o pagamento do Bolsa Família ou de qualquer outro benefício.

Assim, para receber o Bolsa Família, além do cadastro, a pessoa precisar atender aos critérios de elegibilidade do programa, a saber:

  • Integrar uma família em situação de extrema pobreza, com renda familiar mensal por pessoa de até R$ 218;
  • Fazer o acompanhamento pré-natal para gestantes;
  • Acompanhamento de ações socioeducativas para crianças em situação de trabalho infantil;
  • Gestantes e lactantes devem fazer acompanhamento pelo SUS.
  • Completar o calendário de vacinação dos filhos menores de idade;
  • Acompanhar o estado nutricional das crianças menores de 7 anos;
  • Garantir frequência escolar mínima de 60% para as crianças de 4 a 5 anos;
  • Garantir frequência escolar mínima de 75% para os beneficiários entre 6 e 17 anos (que ainda não concluíram os estudos da educação básica).

Para saber a pessoa foi comtemplada para receber o Bolsa Família, é possível fazer a consulta pelo:

  • Aplicativo do Bolsa Família
  • Aplicativo do CadÚnico
  • Aplicativo Caixa Tem
  • Número de telefone 111

O benefício é pago pela Caixa Econômica Federal (CEF). pelas casas lotéricas e pelo Caixa Aqui.

Caso a pessoa esteja sem o cartão do Bolsa Família, o app do Caixa Tem gera um Token que permite o acesso aos valores.

Também é possível transferir o dinheiro através do aplicativo para outras contas em outros bancos, caso a pessoa tenha.

Saiba como conferir se o meu pagamento está disponível para saque

Uma das formas de conferir se o pagamento está disponível para saque e através do número do CPF.

A saber, a consulta pode ser feita tanto pelo aplicativo do Caixa Tem como pelo aplicativo do próprio Bolsa Família.

Dessa forma, basta acessar qualquer um dos aplicativos que a informação estará disponível.

As ferramentas estão disponíveis no Android e no iOS.

Se por acaso o dinheiro não estiver disponível, você deve entrar em contato com CRAS ou com a Caixa.

Consulte o calendário do Bolsa Família – Setembro de 2023

O calendário de pagamento do programa leva em consideração o dígito final do NIS (Número de Inscrição Social) dos beneficiários.

Ademais, confira abaixo o calendário de pagamentos do Bolsa Família de setembro.

  • 18 de setembro: NIS final 1
  • 19 de setembro: NIS final 2;
  • 20 de setembro: NIS final 3;
  • 21 de setembro: NIS final 4;
  • 22 de setembro: NIS final 5;
  • 25 de setembro: NIS final 6 (possível antecipação para dia 23);
  • 26 de setembro: NIS final 7;
  • 27 de setembro: NIS final 8;
  • 28 de setembro: NIS final 9;
  • 29 de setembro: NIS final 0.

Por fim, para mais notícias sobre o Bolsa Família, clique aqui.