no , , ,

BLOQUEIO da IPTV: decisão da Anatel SURPREENDE brasileiros

Anatel anuncia mais uma decisão que vai no sentido de combater a pirataria através do bloqueio de IPTV. Entenda a situação.

BLOQUEIO da IPTV: decisao da Anatel SURPREENDE
BLOQUEIO da IPTV: decisao da Anatel SURPREENDE

O bloqueio das IPTV tem sido um dos principais focos do governo em parceria com a Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações) para o combate à pirataria no país e uma nova medida acaba de ser anunciada pela agência.

Assistir a filmes e séries piratas é uma realidade de praticamente todos os brasileiros e brasileiras, independente da classe social e os aparelhos de IPTV são um dos motivos dessa popularização da pirataria.

Particularmente sou totalmente a favor da pirataria, pois ela é uma forma de democratizar o acesso a cultura, no caso, a cinematográfica.

É justamente através IPTV que a grande maioria das pessoas podem ter acesso a produções que eles nunca teriam se não fosse pela pirataria.

Porém, obviamente que o governo não pode seguir essa minha lógica e precisa desenvolver políticas de combate a pirataria.

E uma dessas ações de combate é justamente agir no sentido do encontrar formas de bloqueio da IPTV.

Portanto, a seguir vamos saber o qual medida a Anatel e o governo tomaram para promover o bloqueio das IPTV.

Mas ante, vamos saber o que é a IPTV.

O que significa IPTV?

IPTV é a sigla para Internet Protocol Television, que em português significa Televisão por Protocolo de Internet. Trata-se de uma forma de transmissão de conteúdo televisivo através da rede IP, como a internet de banda larga.

Ao contrário da transmissão tradicional de televisão, que utiliza sinais via satélite ou cabo, a IPTV utiliza a internet para entregar o conteúdo aos espectadores.

Isso permite uma experiência mais flexível, com acesso a uma série de canais, programas e serviços interativos.

Como a IPTV funciona?

A IPTV utiliza uma combinação de protocolos de internet para transmitir conteúdo de vídeo e áudio aos usuários.

O processo começa com a aquisição do conteúdo de vídeo, que pode ser obtido de várias fontes, como emissoras de TV, provedores de conteúdo ou até mesmo usuários finais que compartilham seus próprios vídeos.

Após a aquisição do conteúdo, ele é codificado e compactado em pacotes de dados que são transmitidos pela rede IP.

Os usuários que desejam assistir ao conteúdo utilizam um aplicativo ou um decodificador IPTV para acessar esses pacotes de dados e reproduzi-los em suas telas de TV ou dispositivos móveis.

A tecnologia IPTV também permite recursos interativos, como a possibilidade de pausar, retroceder ou avançar o conteúdo, bem como a escolha de programas sob demanda.

Essa flexibilidade é uma das principais vantagens da IPTV em relação aos métodos tradicionais de transmissão de TV.

Nova decisão da Anatel sobre bloqueio de IPTV

A Anatel, vem se movimentando para emplacar uma série de medidas para combater o avanço da pirataria através das TV Box e aparelhos de IPTV

Porém, é importante deixar claro que nem todos os serviços de TV Box e de IPTV são ilegais.

Para saber se a sua TV Box ou aparelho de IPTV são legalizados, é só verificar se ele possui o selo de certificação da Anatel.

Caso tenha, seu aparelho está regular e você não precisar se preocupar em ser “pirateiro”

Contudo, para quem não está com a sua IPTV dentro da regulamentação, a Anatel preparou uma péssima notícia, que é o bloqueio da TV ao vivo.

O órgão do governo que fechou está nessa parceria com a Anatel é a Ancine (Agência Nacional de Cinema).

Essa medida faz parte de um pacote de ações conjuntas, que entre suas ações, desenvolveu um laboratório cuja função é realizar o bloqueio ao vivo da IPTV.

A previsão da instituição é que o laboratório já esteja em plena capacidade de operar a partir do segundo semestre de 2023.

Essa atitude poderá acarretar em uma maior fiscalização do sinal pirata.

A TV Box pode acabar?

Não, a TV Box via IPTV não vai acabar.

Essas ações são apenas uma forma de combater a pirataria através dos aparelhos não legalizados.

Ou seja, o uso do aparelho regulamentados continua legal.

Para mais notícias sobre tecnologia e internet, clique aqui.