no , , ,

Auxílio Gás: Saiba como consultar seu direito e conheça o calendário de pagamentos

Auxílio Gás: como funciona e quem tem direito?

Auxílio Gás: desvende os segredos para receber
Auxílio Gás: desvende os segredos para receber

O Auxílio Gás é um benefício social criado pelo governo federal com o objetivo de auxiliar famílias de baixa renda na aquisição do botijão de gás GLP 13 kg. Em junho, as famílias têm recebido o valor de R$ 109, que deve cobrir o custo integral do botijão, essencial no preparo dos alimentos.

Para ter direito ao Auxílio Gás, é necessário estar cadastrado no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico) e ter renda per capita de até meio salário mínimo. Além disso, é preciso também se enquadrar em uma das seguintes categorias:

– Famílias beneficiárias do Bolsa Família;
– Famílias inscritas no CadÚnico e que possuam, pelo menos, uma criança com idade inferior a sete anos;
– Famílias inscritas no CadÚnico e que possuam, pelo menos, um idoso com idade igual ou superior a 60 anos;
– Famílias inscritas no CadÚnico e que possuam, pelo menos, um adolescente entre 16 e 17 anos.

Como posso consultar se tenho direito ao Auxílio Gás?

Você pode consultar se tem direito ao Auxílio Gás utilizando o aplicativo Bolsa Família, disponível para download gratuito na Google Play e Apple Store. A consulta também pode ser realizada:

– Pelo app Caixa Tem, disponível para download na Google Play e Apple Store;
– No Portal Cidadão da Caixa, acessível através deste link: https://servicossociais.caixa.gov.br/internet.do?segmento=CONCEDENTE01;
– Pela Central Caixa, no telefone 111;
– Pelo Caixa Cidadão, no telefone 0800 726 0207;
– Ou pela Central MDS, no telefone 121.

Calendário de pagamentos do Auxílio Gás

O pagamento do Auxílio Gás é realizado a cada dois meses, seguindo um calendário específico que leva em consideração o último dígito do Número de Identificação Social (NIS) do beneficiário.

Em junho, os depósitos começaram no dia 19, para inscritos com NIS final 1, e terminam no dia 30, para aqueles com NIS final 0. É importante lembrar que o auxílio pode sofrer alterações de valores entre uma parcela e outra, já que é calculado pela Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), levando em consideração a média nacional do botijão de gás.

Fique atento ao calendário de pagamentos, consulte seus direitos e não deixe de receber esse importante benefício que colabora com a melhoria da qualidade de vida das famílias brasileiras de baixa renda.